Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
BOLETIM ELETRÔNICO Nº 525 17/02/2017

 

Boletim Eletrônico Nº 525 Ano 10 - 17/02/2017

 

 

Leonardo Reis: o Cremego, no que for de sua responsabilidade, vai combater a corrupção na área da saúde

Em entrevista à Rádio 730, no dia 13 de fevereiro, o presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis, falou sobre as ações do Conselho, o trabalho a ser realizado em defesa da qualidade dos serviços de saúde e o combate à corrupção no setor.

O presidente criticou a corrupção na área da saúde, que já foi alvo de denúncias do Ministério Público Estadual. Segundo ele, o Cremego, no que for de sua responsabilidade, vai combater essa prática e, se houver médicos envolvidos, eles serão julgados e poderão até ter o registro cassado.

“O Cremego tem o papel de alertar o médico sobre a boa prática e o bom costume. O certo é o certo, ético e deve ser enaltecido”, afirmou, ressaltando que o Conselho tem orientado os médicos a jamais receberem qualquer vantagem para a indicação de próteses, medicamentos ou exames. 

O presidente definiu essa prática como condenável, criminosa e antiética e disse não ter dúvidas que a maioria dos médicos atua de forma ética. “Mas, a minoria que age errado mancha a imagem de toda a classe médica e deixa a população em dúvida, por exemplo, se o exame solicitado é necessário. O médico deve obter ganho por honorário, que vem de honra, e jamais receber vantagens de empresas”. Leia mais.

 

 

“Vamos fazer uma gestão forte e atuante na defesa da ética médica”, diz Leonardo Mariano Reis, presidente do Cremego

Eleita pelos conselheiros em sessão plenária realizada no dia 19 de janeiro, a diretoria executiva que estará à frente do Cremego até 30 de setembro de 2018, foi oficialmente empossada no dia 2 de fevereiro. A diretoria tem na presidência o oftalmologista Leonardo Mariano Reis, que assumiu o cargo ressaltando que pretende fazer uma gestão forte e atuante na defesa do desempenho ético da medicina e na fiscalização da qualidade do atendimento prestado à população.

Vice-presidente do Cremego na gestão anterior, Leonardo Mariano Reis chega à presidência com uma larga experiência na gestão de entidades de classe e na gerência de saúde pública. Ele já presidiu o Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (Simego), a Cooperativa dos Oftalmologistas, foi diretor do Conselho Brasileiro de Oftalmologia e integra a diretoria do Sindicato dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Goiás (Sindhoesg). Leia mais.

 

CFM e Cremego orientam médicos sobre os prejuízos da “pejotização”

A contratação de médicos como pessoa jurídica para a prestação de serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS), planos e hospitais, uma prática popularmente conhecida por “pejotização” e que vem se tornando cada vez mais comum, é uma forma de burlar a legislação trabalhista e que pode levar à punição do contratante e também do profissional contratado. O alerta é do Conselho Federal de Medicina (CFM) e do Cremego, que chamam a atenção dos médicos para o problema.

Os contratos de prestação de serviços médicos (pessoa física) por meio de pessoa jurídica constituída especialmente para esse fim ferem a legislação trabalhista ao substituir uma relação formal de emprego e os responsáveis pela contratação podem ser punidos. O médico contratado também pode ser penalizado. O entendimento da Receita Federal é que o médico e demais profissionais liberais da área da saúde só podem trabalhar em hospitais com carteira assinada ou por meio de prestação de serviços como autônomo. Leia mais.

 

 

Conselho divulga nota técnica sobre Resolução CFM 2.144/2016

 

Para orientar a classe médica e a população sobre a Resolução CFM 2.144/2016, já em vigor e que estabelece ser ético o médico atender à vontade da gestante de realizar cesariana, garantida a autonomia do médico, da paciente e a segurança do binômio materno fetal, o Cremego divulgou uma nota técnica, na qual enfatiza que o médico deve obedecer o critério mínimo das 39 semanas completas com consentimento livre e esclarecido, de fácil entendimento e assinado pela gestante e seu cônjuge, dando ênfase a todas as possíveis complicações desta decisão.

Na nota, o Cremego também observa que não existe obrigação de o obstetra fazer a cesariana caso não se sinta seguro quanto à maturidade fetal. Desde a publicação da resolução, em 22 de junho de 2016, o Cremego vem ressaltando a necessidade de esclarecer que a indicação para a realização de cesariana a pedido da gestante deve ser a partir de 39ª semana completa, período comprovado por ultrassonografia, para proporcionar maior segurança ao feto e à mãe e para que não haja risco de interrupção da gravidez antes deste tempo. Leia mais.

 

 

Presidente do Cremego vai se reunir com médicos de Porangatu

 

Nesta sexta-feira, 17,  às 18 horas, o presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis, vai se reunir com médicos de Porangatu. A reunião acontecerá na Clínica Mettra-Cort - Avenida Floriano Peixoto, nº 91, Setor Central – e vai marcar o encerramento da primeira edição do projeto Cremego Itinerante na cidade.

 

O projeto começou na segunda-feira, 13, com a instalação do Cremego Itinerante em Porangatu e Uruaçu para atender médicos e a população das cidades e de municípios vizinhos. Com esse projeto, o Cremego amplia os atendimentos já prestados na sede do Conselho, em Goiânia, e nas Delegacias Regionais. Durante os plantões, serão prestados serviços, como inscrição de médicos, registro de especialidades, atualização cadastral, emissão de segunda via de documento e o recebimento de denúncias.

 

Delegado regional do Cremego e presidente da Unimed Porangatu, o médico Liélio Vieira Lessa, elogiou a iniciativa do Conselho. “Esse atendimento no município vai evitar a necessidade de deslocamento dos médicos até Goiânia para solicitar serviços ao Cremego e vai também aproximá-los do Conselho”, disse. A expectativa de Liélio Vieira Lessa é que o atendimento, que tem o apoio da Unimed Porangatu, volte a ser realizado na cidade, o que já está no planejamento do Cremego.

 

Próximas edições já estão programadas

As próximas edições do projeto Cremego Itinerante serão realizadas nas seguintes cidades:

Jataí: 13 a 17 de março – Clínica Santa Clara

Mineiros: 13 a 17 de março – Unimed Mineiros

Catalão: 27 a 31 de março – Unimed Catalão

 

Médicos não devem aderir a cartões de desconto

Médicos não podem aderir a cartões de desconto, cartões de fidelização e outros instrumentos promocionais relacionados ao trabalho médico e oferecidos por empresas que atuam como intermediárias entre o profissional e o paciente. A vinculação dos médicos a esses cartões, associações e empresas fere o Código de Ética Médica, Resoluções do Cremego e do Conselho Federal de Medicina e pode ser punida.

Recentemente, o Cremego fiscalizou uma empresa que atuava em Goiânia oferecendo aos clientes “solução em agendamento de consultas”. Após o cadastramento e a emissão de uma carteirinha para o cliente, a empresa se comprometia a agendar consultas médicas com especialistas. O valor da consulta – 100 reais – era pago diretamente à empresa. Outra empresa cobrava 90 reais por consulta agendada. Nos dois casos, o Cremego constatou se tratar de intermediação de trabalho médico, sendo, portanto, proibido o vínculo dos médicos com as empresas. Leia mais sobre o assunto.

 

Secretários de Saúde participam de 1º Simpósio de Atualização promovido pelo Cremego

 

Com a participação de cerca 80 pessoas, incluindo 47 secretários municipais de saúde, gestores e assessores das secretarias, o Cremego promoveu, no dia 27 de janeiro, o 1º Simpósio de Atualização para Secretários de Saúde. O evento, realizado na sede do Conselho, foi o primeiro de uma série de cursos, encontros e reuniões que serão promovidos ao longo do ano para orientar e auxiliar os municípios na gestão da saúde pública. 

Entre os palestrantes estavam o atual presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis, e o vice-presidente, Aldair Novato Silva, que falaram sobre a administração em saúde e o funcionamento da rede, e o conselheiro e ex-presidente Erso Guimarães, que abordou a responsabilidade ético-profissional do gestor. Leia mais.

 

Expediente: Carnaval – Em função do feriado de Carnaval, o Cremego não terá expediente nos dias 27 e 28 de fevereiro. O Conselho retoma o expediente normal no dia 1º de março, quarta-feira.



Boletim Eletrônico Ano 10 Nº 5245 17/02/2017

Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego)

Edição: Rosane Rodrigues da Cunha - MTb 764 JP -Assessora de Comunicação - Cremego 

www.cremego.org.br Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

(62) 3250 4900 

 

 

 

                                                

 

 

 

 

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

© PORTAL MÉDICO 2016 - o site do Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás -Todos os direitos reservados
Rua T - 28 N° 245 - Qd. 24 - Lote 19 E 20 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-040 | Fone: (62) 3250-4900 | Fax: (62) 3250-4949 | E-mail - cremego@cremego.org.br
Entrada de Eventos - Rua T-27 Nº 148 - Qd 24 - Lote 12 E 13 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-030 | Horário de funcionamento: Segunda a Sexta - 08h00 às 18h00