Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
BOLETIM ELETRÔNICO Nº 527 (13/04/17)

 

Boletim Eletrônico Nº 527 Ano 11 - 13/04/2017

 

 

Plenária Temática do Cremego vai debater o credenciamento de médicos pelo Ipasgo

 

O Cremego convida a classe médica para a plenária temática que vai debater o credenciamento dos médicos pelo Instituto de Assistência aos Servidores do Estado de Goiás (Ipasgo). Será no dia 18 de abril (terça-feira), às 19 horas, na sede do Conselho – Rua T-27, 148, Setor Bueno (entrada de eventos) e o tema será debatido por médicos, diretores e conselheiros do Cremego e representantes do Ipasgo, Associação Médica de Goiás, Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás e Ministério Público Estadual.

 

Desde o final do ano passado, o Cremego vem acompanhando a elaboração do edital de credenciamento dos prestadores de serviços (pessoas físicas) do Ipasgo. No dia 16 de março, véspera da publicação do edital, o Conselho recebeu a visita do diretor de Assistência ao Servidor do Ipasgo, Romeu Sussumu, e de Nelson Siqueira de Morais, um dos responsáveis pela elaboração do documento, que explicaram à diretoria do Cremego as normas do credenciamento.

 

O Cremego também tem acompanhado esse processo de credenciamento, sugerindo mudanças no edital e a inclusão no contrato de cláusulas que assegurem o reajuste anual dos valores pagos aos prestadores de serviços. O Conselho defende a permanência dos médicos que já prestam serviços ao Ipasgo e a habilitação de profissionais interessados em ingressar no instituto. Leia mais.

 

Participe da Plenária Temática

Data: 18 de abril (terça-feira)

Horário: 19 horas

Local: Cremego – Rua T-27, 148, Setor Bueno (entrada de eventos)

 

 

Cremego vai vacinar médicos contra influenza no dia 19 de abril

Pelo segundo ano consecutivo, o Cremego, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, fará a vacinação de médicos contra os vírus Flu A H1N1/ H3N2 e Flu B. A vacinação será na sede do Cremego – Rua T-27, 148, Setor Bueno (entrada de eventos) – no dia 19 de abril, quarta-feira, das 9 às 21 horas.

Atenção: a vacinação é exclusiva para médicos. O atendimento será por ordem de chegada e os profissionais devem apresentar a carteira de identificação com o número de registro no CRM. A vacina a ser aplicada é a mesma oferecida pela rede pública de saúde e que já estará disponível aos profissionais de saúde nos postos de imunização a partir da próxima segunda-feira, 17.

 

Saiba como participar

Data: 19 de abril – quarta-feira

Horário: 9 às 21 horas

Local: Cremego – Rua T-27, 148, Setor Bueno (entrada de eventos).

Estacionamento: O estacionamento do Conselho estará liberado no período da vacinação

Vacina: Flu A H1N1/ H3N2 e Flu B – a mesma oferecida pela rede pública

Público: Apenas médicos (as), que deverão se identificar com a carteira de identidade profissional

Número de doses: 3 mil

Atendimento: Por ordem de chegada (senha)

Não podem ser vacinados no Cremego:

Não médicos

Pessoas com doença febril aguda

Pessoas com doença neurológica em atividade

Pessoas com antecedentes de alergia grave a ovo, ao timerosal e à neomicina

 

ANOTE E PARTICIPE: Workshop vai debater o papel dos diretores técnicos e clínicos na segurança do paciente

 

No dia 5 de maio, das 13h30 às 17h30, o Cremego vai promover o workshop “O papel dos diretores técnicos e dos diretores clínicos na segurança do paciente”. Aberto a diretores técnicos, clínicos, gestores e chefes de serviços de unidades de saúde públicas e privadas, o evento vai abordar a Resolução CFM número 2.147/2016 (clique aqui e confira), que trata das novas responsabilidades, atribuições e direitos dos diretores técnicos, clínicos e chefes de serviços em unidades médicas.

 

A atuação da Vigilância Sanitária nos estabelecimentos de saúde, a importância dos diretores técnicos e dos diretores clínicos na implementação do Programa de Gerenciamento de Tecnologias (PGT) em saúde com foco na segurança do paciente e como desenvolver o PGT com os profissionais de saúde das organizações são outros temas que serão apresentados.

 

O workshop terá como palestrantes o presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis; o superintendente de Vigilância Sanitária de Goiânia, Robson Paixão de Azevedo; o diretor de Fiscalização do Cremego, João Anastácio Dias, e o engenheiro Cesar Fonseca Lima, do Instituto Francisco Ludovico, parceiro do Cremego na realização do evento.

 

Participe!

Data: 05 de maio (sexta-feira)

Horário: 13h30 às 17h30

Local: Cremego – Rua T-27, 148, Setor Bueno (entrada de eventos)

Mais informações: (62) 3250 4920 ou Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Para se inscrever, clique aqui

 

 

 

Pejotização” é discutida em reunião entre o Cremego e a Receita Federal

 

O presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis, reuniu-se, no dia 4 de abril, com o delegado da Receita Federal em Goiânia, José Aureliano Ribeiro de Matos, para falar sobre a “pejotização” dos médicos em Goiás. O Cremego e o Conselho Federal de Medicina já vêm alertando a classe médica sobre os riscos da contratação de médicos como pessoa jurídica para a prestação de serviços, a chamada “pejotização”, que vem se tornado cada vez mais comum.

 

O Cremego já havia orientado os médicos que, além de implicar perdas de benefícios trabalhistas, como o recebimento de 13º salário e o direito a férias anuais, a “pejotização” ainda pode levar à punição do contratante e do profissional contratado. No caso da Receita Federal, a “pejotização” pode ser vista como uma forma de enganar o fisco, o que já tem levado o órgão a autuar médicos envolvidos, que têm sido notificados a pagar a diferença de tributação decorrente da discrepância entre as alíquotas aplicadas aos inscritos no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) e as que se aplicam ao Cadastro de Pessoa Física (CPF). Leia mais.

 

 

Conselho critica lei do atestado digital

 

Um projeto aprovado pela Câmara dos Vereadores de Goiânia obriga as unidades de saúde públicas e particulares da capital a digitalizarem atestados emitidos por médicos como justificativa para a ausência de trabalhadores ao serviço. Apresentado em 2016 pela vereadora Cristina Lopes (PSDB) com o objetivo de evitar fraudes na apresentação de atestados médicos, o projeto foi aprovado pela Câmara e vetado pelo então prefeito Paulo Garcia (PT), mas o veto foi derrubado pela maioria dos vereadores no dia 4 de março.

 

Para o Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego), a proposta é inócua. O presidente do Cremego, Leonardo Mariano Reis, entende que há outras formas seguras de verificação da autenticidade dos atestados, inclusive a confirmação com o médico que assina o documento. “A lei não atinge seu objetivo, burocratiza mais e onera o sistema, não tem instrumento de monitoração e, como tal, é mais uma lei que não acrescenta”, afirma o presidente. O texto aprovado fixa prazo de dois anos para que os estabelecimentos de saúde possam se adequar à nova regra.

 

 

 

 

 

 

CURTA A PÁGINA DO CREMEGO NO FACEBOOK: www.facebook.com/CREMEGO/

 

 


Boletim Eletrônico Ano 11 Nº 527 13/04/2017
Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego)
Presidente: Dr. Leonardo Mariano Reis
Edição: Rosane Rodrigues da Cunha - MTb 764 JP
Assessora de Comunicação - Cremego
www.cremego.org.br 
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.  (62) 3250 4900

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

© PORTAL MÉDICO 2016 - o site do Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás -Todos os direitos reservados
Rua T - 28 N° 245 - Qd. 24 - Lote 19 E 20 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-040 | Fone: (62) 3250-4900 | Fax: (62) 3250-4949 | E-mail - cremego@cremego.org.br
Entrada de Eventos - Rua T-27 Nº 148 - Qd 24 - Lote 12 E 13 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-030 | Horário de funcionamento: Segunda a Sexta - 08h00 às 18h00