O Cremego vai participar do projeto piloto do Conselho Federal de Medicina (CFM) para a implantação de um formulário eletrônico de fiscalização dos estabelecimentos de saúde, como consultórios e clínicas. O formulário experimental, elaborado em 2010, deve ser aplicado até o próximo dia 15 de março.

 

No dia 30 de março, Comissão de Fiscalização do Conselho Federal de Medicina (CFM) vai se reunir para avaliar a aplicabilidade do instrumento, que, a partir de maio, passará a ser obrigatório em todo o Brasil.

 

No último dia 26, a Comissão de Fiscalização do CFM reuniu-se, em Brasília (DF), para discutir a elaboração do documento, que terá informações como materiais, equipamentos e instalações de cada ambiente de atendimento do estabelecimento fiscalizado. O Cremego, que integra a comissão, foi representado na reunião pelo médico fiscal João Martins.

 

Segundo ele, a implantação do formulário eletrônico deve agilizar muito o processo de fiscalização. As informações coletadas nos estabelecimentos serão transmitidas imediatamente para o Cremego e o CFM.

 

De acordo com o coordenador da Comissão e 3º vice-presidente do CFM, Emmanuel Fortes Silveira Cavalcanti, a meta é que todos os processos de fiscalização estejam em formulário eletrônico, para garantir informações seguras e atualizáveis a qualquer momento, além de ser base de dados estatísticos para qualquer análise relativa à segurança do ato médico.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.